0
Artigos

Copiar ou criar do zero?

por outubro 16, 2018 1 Comentário

“O que foi tornará a ser, o que foi feito se fará novamente; não há nada novo debaixo do sol.”

A muito tempo sinto o desejo de dar dicas para aqueles que aspiram iniciar na carreira de designer, mas, por falta de tempo e pela correria diária não consegui iniciar essa minissérie tão importante. Organizei meu tempo, ajustei as demandas e inicio hoje a minissérie tão esperada, espero que ajude!

Vamos lá….

Para iniciar quero falar sobre um tema que inicialmente frustra muitas pessoas e até causa um sentimento terrível de desânimo, sei disso pois, no inicio de minha jornada quase parei.

O tema é: Copiar ou criar do zero?

Quem está começando não tem experiência o suficiente para criar uma arte do zero, por falta de referência e prática. Posso ir até além, mesmo os que já atuam na área, precisam de uma base para iniciar uma arte. O pilar do design chama-se referência, não quer dizer que você vai copiar todo o projeto do seu amiguinho, mas você pode buscar partes de vários projetos e usar como base para o seu.

O tempo passa e surgem tendências, novas formas, novas combinações de cores, novos efeitos surgem todo dia, o design passa por constante atualização.

Se você ficar parado achando que por revelação divina surgirá uma ideia inovadora, creia, isso vai te frustar e você não dará continuidade a sua carreira.

Nada se cria, tudo se transforma! Então chegou a hora de você criar um banco de dados em sua mente utilizando o poder da observação. Ande na rua olhando as novidades, tire foto de placas, cartazes e tudo que você achar interessante, busque sites especializados em design, entre em grupos e permita-se criar projetos fantasmas. Treine diariamente! Pegue alguns projetos e faça a sua versão, assim você verá os resultados aparecendo.

Descubra o seu estilo praticando! E não de ouvidos a pensamentos limitantes do tipo: Você não cria, você só está copiando, saiba: isso é a maior mentira que criamos em nossa mente! Não deixe que esses pensamentos te pare!

Comece hoje mesmo a colocar em prática que em breve verás resultados… ahhh, e não se esqueça de voltar aqui e me contar!

Vou ficando por aqui, curta a pagina e marque a opção ver primeiro, pois darei mais dicas para você!

Tenha um dia abençoado e até a próxima pessoal.

Comentários do Facebook
Carlos Mascarenhas

Carlos Mascarenhas

Cristão, auto didata, apaixonado por computação gráfica. Iniciou sua carreira em 1995 e até hoje busca aprimorar seus conhecimentos na faculdade eterna da Computação Gráfica.

1 Comentário

Deixar Comentário